O principal interesse nos estudos relacionados com as lesões prende-se com a possibilidade de entender a sua origem, incidência e mecanismos associados e procurar estabelecer programas que minimizem os fatores de risco da sua ocorrência. Em face da precocidade com que os atletas iniciam a prática desportiva, é fundamental a prevenção e a orientação da prática desportiva através da adequação da metodologia de treino às especificidades dos atletas.

A análise dos trabalhos de investigação atuais na área das lesões desportivas mostra uma grande atenção para as questões das alterações posturais nos atletas, como fatores de risco, nomeadamente, do equilíbrio postural, ou da morfologia do pé e das pressões plantares, para deteção de fontes de instabilidade e, especialmente, de lesões do tornozelo ou do pé. As principais razões que são normalmente apontadas para a incidência de lesões no Futsal são: a deficiente preparação física, alterações posturais significativas, reduzidos índices de flexibilidade, erros na execução de gestos desportivos, equipamentos inadequados, para além de lesões de origem traumática durante a competição.

Leia a totalidade da matéria abaixo, na nossa revista D&E (pág. 53):

Espreite a última edição da nossa revista

Há mais de 50 páginas que ainda não conhece - clique abaixo