Quem doa sangue periodicamente tem níveis de ferro mais baixos e, portanto, menor probabilidade de problemas cardíacos. Há especulações de que esse seja um dos mecanismos de proteção de que as mulheres dispõem antes da menopausa pelas menstruações. As dietas ricas em carne aumentam a ferritina no sangue, que está surgindo como um dos mecanismos metabólicos de aceleração da doença

Ref: Fernando Lucchese, mais fatos & Mitos sobre a sua saúde, LPm

Espreite a última edição da nossa revista

Há mais de 50 páginas que ainda não conhece - clique abaixo